Nota de Pesar

Nota de Pesar pelo falecimento de Guido Mutran

Os 21 vereadores que compõem a Câmara Municipal de Marabá lamentam, com profundo pesar, o falecimento do honrado ex-vereador Guido Mutran Júnior, ocorrido na noite deste domingo, dia 29 de julho, em hospital de São Paulo.

O guerreiro que enfrentou tantos problemas sociais em Marabá durante três mandatos como vereador, perdeu a batalha contra um câncer no estômago, depois de lutar por cerca de três anos entre idas e vindas a hospitais fora do Estado, em busca de tratamento.

Guidinho, como era chamado carinhosamente pelos amigos, chegou a atuar como diretor da extinta Rádio Itacaiunas por sete anos, onde passou a conhecer mais de perto os problemas sociais da comunidade marabaense. Como veterinário, exerceu a função de gestor da Adepará (Agência de Defesa Agropecuária) em Marabá.

Ele era filho de Ana Maria Quadros e Guido Mutran. Seu pai havia sido vereador por Marabá durante dez anos e deixou um legado ao filho, que se tornou parlamentar na Câmara Municipal de Marabá pela primeira vez entre os anos de 1996 e 2000, pelo PFL. Seu segundo mandato veio logo em seguida, entre 2000 a 2004, já pelo PMDB, partido pelo qual votou ao Legislativo Municipal em 2013, quando teve mais de 200 requerimentos aprovados e nove projetos de lei apresentados.

Guido Mutran Júnior era casado com Myrian Rodrigues de Medeiros, com quem tinha dois filhos: Brunella Mutran e João Pedro Mutran. No último mandato, entre as muitas causas que encampou, Guidinho liderou o movimento Novembro Azul na Câmara Municipal de Marabá para orientar os homens quanto à prevenção do câncer de próstata.

Por fim, a Câmara se solidariza com familiares e amigos deste grande homem público que procurou servir a comunidade, exercendo com dignidade o mandato parlamentar.