Vereadores sugerem apoio do Hospital Militar de Marabá

Na sessão remota ocorrida na manhã desta terça-feira, 12 de maio, alguns vereadores propuseram realizar uma reunião online com os diretores do Hospital Municipal de Marabá e o Hospital de Campanha do Estado, além do prefeito Tião Miranda, secretário de saúde e um representante do Exército Brasileiro.
Na visão de muitos parlamentares, é preciso que os poderes, tanto municipal, quanto estadual e federal unam forças no enfrentamento da pandemia.
O vereador Gilson Dias pediu que a Câmara entre em contato com a 23ª Brigada de Infantaria de Selva para ver a possibilidade de o Hospital do Exercito em Marabá (HGUMBA) ajudar a cidade com sua estrutura e profissionais neste momento tão delicado. “Marabá está em uma situação muito difícil, e isso deixa a gente preocupado. Sugiro a união dos três poderes, que todos têm hospital em Marabá. Juntos (os hospitais), podem apresentar seu protocolo de atendimento. Queremos diálogo entre o diretor clínico do Hospital de Campanha, HMM e Hospital do Exército”, disse Gilson Dias.
O vereador Ilker Moraes ratificou o posicionamento do vereador Gilson e disse que acredita que a Câmara deve solicitar o apoio do EB, inclusive com o Hgumba. Ele ainda pediu que o secretário de saúde do município e o prefeito de Marabá participem também dessa reunião remota, além da diretora da Sespa em Marabá. “Os nossos questionamentos são os questionamentos da sociedade”, enfatizou.